Salmos Capítulos 23-25
23:1 O Senhor é o meu pastor; nada me faltará.
23:2 Deitar-me faz em pastos verdejantes; guia-me mansamente a águas tranqüilas.
23:3 Refrigera a minha alma; guia-me nas veredas da justiça por amor do seu nome.
23:4 Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam.
23:5 Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos; unges com óleo a minha cabeça, o meu cálice transborda.
23:6 Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida, e habitarei na casa do Senhor por longos dias.


24:1 Do Senhor é a terra e a sua plenitude; o mundo e aqueles que nele habitam.
24:2 Porque ele a fundou sobre os mares, e a firmou sobre os rios.
24:3 Quem subirá ao monte do Senhor, ou quem estará no seu lugar santo?
24:4 Aquele que é limpo de mãos e puro de coração; que não entrega a sua alma à vaidade, nem jura enganosamente.
24:5 Este receberá do Senhor uma bênção, e a justiça do Deus da sua salvação.
24:6 Tal é a geração daqueles que o buscam, daqueles que buscam a tua face, ó Deus de Jacó.
24:7 Levantai, ó portas, as vossas cabeças; levantai-vos, ó entradas eternas, e entrará o Rei da Glória.
24:8 Quem é o Rei da Glória? O Senhor forte e poderoso, o Senhor poderoso na batalha.
24:9 Levantai, ó portas, as vossas cabeças; levantai-vos, ó entradas eternas, e entrará o Rei da Glória.
24:10 Quem é esse Rei da Glória? O Senhor dos exércitos; ele é o Rei da Glória.

25:1 A ti, Senhor, elevo a minha alma.
25:2 Deus meu, em ti confio; não seja eu envergonhado; não triunfem sobre mim os meus inimigos.
25:3 Não seja envergonhado nenhum dos que em ti esperam; envergonhados sejam os que sem causa procedem traiçoeiramente.
25:4 Faze-me saber os teus caminhos, Senhor; ensina-me as tuas veredas.
25:5 Guia-me na tua verdade, e ensina-me; pois tu és o Deus da minha salvação; por ti espero o dia todo.
25:6 Lembra-te, Senhor, da tua compaixão e da tua benignidade, porque elas são eternas.
25:7 Não te lembres dos pecado da minha mocidade, nem das minhas transgressões; mas, segundo a tua misericórdia, lembra-te de mim, pela tua bondade, ó Senhor.
25:8 Bom e reto é o Senhor; pelo que ensina o caminho aos pecadores.
25:9 Guia os mansos no que é reto, e lhes ensina o seu caminho.
25:10 Todas as veredas do Senhor são misericórdia e verdade para aqueles que guardam o seu pacto e os seus testemunhos.
25:11 Por amor do teu nome, Senhor, perdoa a minha iniqüidade, pois é grande.
25:12 Qual é o homem que teme ao Senhor? Este lhe ensinará o caminho que deve escolher.
25:13 Ele permanecerá em prosperidade, e a sua descendência herdará a terra.
25:14 O conselho do Senhor é para aqueles que o temem, e ele lhes faz saber o seu pacto.
25:15 Os meus olhos estão postos continuamente no Senhor, pois ele tirará do laço os meus pés.
25:16 Olha para mim, e tem misericórdia de mim, porque estou desamparado e aflito.
25:17 Alivia as tribulações do meu coração; tira-me das minhas angústias.
25:18 Olha para a minha aflição e para a minha dor, e perdoa todos os meus pecados.
25:19 Olha para os meus inimigos, porque são muitos e me odeiam com ódio cruel.
25:20 Guarda a minha alma, e livra-me; não seja eu envergonhado, porque em ti me refúgio.
25:21 A integridade e a retidão me protejam, porque em ti espero.
25:22 Redime, ó Deus, a Israel de todas as suas angústias.